Dores nas articulações, como superei.

Hoje iremos contar a história da Irene de 47 anos, que sofria de dores nas articulações.

Moringa Oleifera

Irene nos conta que as dores começaram há quatro meses, ela estava em casa lavando a varada, quando foi puxar a água com o rodo e sentiu uma forte dor no cotovelo esquerdo, imediatamente ela disse que largou o rodo e colocou a mão sobre o cotovelo para ver se tinha batido em algo. Mas não tinha um arranhão, ela concluiu que poderia ter dado mal jeito.

Passaram dois dias mais a dor não ia embora, ela tomou um remédio para dor muscular que tinha comprado na farmácia, depois de um tempo o remédio fez efeito. De noite irene foi se deitar e resolveu ler um livro antes de dormir, nisso a dor voltou mais agora entre seu ombro e braço, ela voltou a tomar o remédio, mas a dor passava e continuava, voltou a farmácia no dia seguinte trocou de remédio na esperança que a dor parasse ou pelo menos que o remédio tivesse um efeito mais duradouro.

Andando de bicicleta

Perseverança e busca para melhorar a saúde são essências.

Ela então começou a fazer uso do novo medicamento, de início o remédio fazia um efeito bom, mas se ela demorasse 30 minutos para tomar ele, a dor voltava. Depois os joelhos começaram a doer, ela ficou nessa, de sentir dor e tomar remédios todos os dias por umas 3 semanas até sentir que o excesso de remédio estava fazendo mal ao seu estomago.

Foi então que ela foi procurar um médico, no primeiro momento ele perguntou o que estava acontecendo, então Irene contou sobre as dores que estava sentindo, ele questionou se era só nas articulações que ela estava tendo dor, ela respondeu que sim. O médico perguntou o que ela faz durante a semana, ela diz que passa a semana arrumando a casa, lavando a varanda e a garagem, pois costuma sujar sempre.

Ele diz que ela está com problema de articulação e pode ser devido ao excesso de trabalho limpando a casa e principalmente lavando e puxando a água com o rodo. Ele passou uns medicamentos para ela tomar e pediu que diminuísse o trabalho durante a semana.

Linda paisagem

Irene começou a tomar os medicamentos que o médico passou as dores diminuíram, mas não passava, ela então começou a se sentir limitada, já que dependendo do movimento que ela fizesse a dor poderia voltar mesmo utilizando os remédios. Ficou tomando os remédios que o médico passou e parou com praticamente tudo. Como morava ela e o irmão e ele trabalhava embarcado. A casa e, arrumação ficava com ela durante o embarque, mas passou a ficar só com ele quando voltava a terra.

Depois que seu irmão Oswaldo viu que ela estava sofrendo, disse a ela pra procurar outro remédio. Foi então que em meio a procura ela conheceu através de uma tia que foi visitar a Moringa caps um produto para dores musculares, ela começou a utilizar esse produto e voltou a fazer os afazeres de casa, não sentia mais dores no ombro, nem nos cotovelos, e nem nos joelhos, resolveu trabalhar menos em casa e aproveitar mais pra sair e caminhar. Comprou até uma bicicleta.

Hoje Irene nos conta que a Moringa Oleifera melhorou em 100% sua vida e a incentivou a praticar esportes para melhorar sua saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *